madeiras para construção

DIAMADE MADEIRAS: MADEIRAS PARA CONSTRUÇÃO,  MADEIRAS PARA INDUSTRIAS, PRÉ-CORTADO DE MADEIRAS, MADEIRAS PARA EMBALAGENS, MADEIRAS PARA PALLETS,  COMPENSADOS, CHAPAS DE MADEIRA, CHAPAS DE OSB, VIGAMENTO PARA TELHADO, MADEIRAS COM DOF, MADEIRAS COM CERTIFICADO DO IBAMA.

Madeiras Reflorestadas

  Madeiras com DOF

Certificada pelo IBAMA

madeiras
Compensados
 

 

MADEIRAS REFLORESTADAS

madeiras

Documento de origem florestal

MADEIRA CERTIFICADA

Ecologicamente correto!

MADEIRAS : VIGAMENTO PARA TELHADO
 

MADEIRA E MEIO AMBIENTE

MADEIRAS DIAMADE E O MEIO AMBIENTE

  

Empresa

Produtos

Orçamentos Contato Dicas e curiosidades   Links
 
MADEIRAS PARA CONSTRUÇÃO:TABUAS E VIGAS
MADEIRAS PARA PALLETS DE PINUS E EUCALIPTO
CHAPAS OSB E CHAPAS DE COMPENSADOS
CHAPA RESINADA E CHAPA PLASTIFICADA

Conheça nossa linha de
Produtos e faça um orçamento
sem compromisso, teremos
o prazer em atendê-los.

MADEIRAS : TABUAS E VIGAS PARA TELHADO

PALLETS

Chapas de OSB

Chapas de OSB - Eco tábua

 

 CHAPAS DE MADEIRIT

   
madeiras

Madeireira Diamade uma empresa de multiprodutos e duas áreas de negócios:


MADEIREIRA DIAMADE E O MEIO AMBIENTE

Madeiras certificadas, a madeireira Diamade esta regularmente cadastrada no IBAMA e autorizada a emitir o DOF (Documento de origem Floresta), documento obrigatório para o transporte e armazenagem de madeiras nativas.


Documento de Origem Florestal (DOF)
 

 O que diz a legislação ?

O DOF foi instituído pela Portaria n°253 de 18 de Agosto de 2006, do Ministério do Meio Ambiente - MMA, em substituição à ATPF .

É o documento obrigatório para o controle do transporte de produto e subproduto florestal de origem nativa, inclusive o carvão vegetal nativo.

O DOF acompanha, obrigatoriamente, o produto ou subproduto florestal nativo, da origem ao destino (o destino tem que constar no DOF), por meio de transporte individual que seja: rodoviário, aéreo, ferroviário, fluvial ou marítimo.

De acordo com a Instrução Normativa nº 112 de 21 de Agosto de 2006, o controle do DOF dar-se-á por meio do Sistema DOF disponibilizado no endereço eletrônico do Ibama (www.ibama.gov.br).

 Quais são os procedimentos para poder emitir um DOF ?

 Primeira etapa: Requisitos prévios

Existem requisitos prévios à emissão de um DOF:

- o extrator tem que ter uma licença de operação (L.O.) válida;

- o extrator / vendedor tem que ser registrado no Cadastro Técnico Federal (CTF) no IBAMA.

- o extrator / vendedor precisa ter um saldo positivo no IBAMA.

 (mais informações no site www.ibama.gov.br/ctf/manual/html/160000.htm)

 Segunda etapa: Emissão do DOF

Os passos para a emissão de um DOF são os seguintes:

O vendedor precisa informar o CPF ou CNPJ do comprador.

Além desses dados, o vendedor tem que informar o tipo de transporte e a rota do veículo, o n° de registro ou a placa do veículo, a data de início da validade (data do transporte) e o n° da Nota Fiscal.

(mais informação no site: www.ibama.gov.br/ctf/manual/html/160200.htm)

Validade:

No momento da emissão do DOF, o extrator / vendedor deverá indicar a data a partir da qual terá início a validade do DOF. Esta data de início da validade do DOF poderá ser a mesma data em que o DOF for emitido, ou de até cinco dias contados da data da emissão. O DOF será emitido com uma validade de até cinco dias (caso de transporte rodoviário estadual *), exceto para o transporte de madeira em tora em jangadas, quando o prazo máximo poderá ser de até trinta dias.

O DOF NÃO poderá ser utilizado em data anterior ao início de sua validade, nem posterior ao término da mesma. (*)Será de 10 dias para transporte rodoviário inter-estadual

Cancelamento:

O DOF pode ser cancelado até a data anterior ao início da validade (*); a partir desta data, a madeira que consta no DOF será debitada da ACOF, e esse débito se tornará irreversível, ainda que o DOF não tenha sido utilizado. Ultrapassado o prazo estabelecido para cancelar um DOF, e havendo impossibilidade do transporte, o DOF poderá ser cancelado por iniciativa do interessado, mediante justificativa, desde que este apresente junto à unidade do IPAAM (ou do Ibama de sua jurisdição, caso o seu PMFSPE depender daquela instituição) a Nota Fiscal do produto cancelada. (*)Até 2 horas no caso do início da validade ocorrer no mesmo dia de emissão do DOF

O DOF e a nota fiscal acompanham o produto durante o transporte..

 Quais são as Leis, Decretos e Instruções Normativas que regem o assunto ?

Instrução Normativa (IBAMA) nº 134 de 22 de Novembro de 2006

Instrução Normativa (IBAMA) nº 112 de 21 de Agosto de 2006

Portaria (MMA) n°253 de 18 de Agosto de 2006

Instrução Normativa (IBAMA) nº 187 de 10 de Setembro de 2008

 

www.ibama.gov.br

 


 

 

[Contador de visitas]                         


MADEIRAS PARA CONSTRUÇÃO CIVIL

MADEIRAS PARA INDUSTRIA

MADEIRAS PARA EMBALAGENS

CHAPAS DE MADEIRIT

COMPENSADOS

VIGAS DE MADEIRA PARA TELHADO

MADEIRAS BRUTAS E APARELHADAS

MADEIRAS PRE CORTADAS

MADEIRAS PARA EMBALAGENS DE MADEIRA

 

Atendimento completo e personalizado. Oferecendo a melhor opção a você.

Há mais de 15 anos fornecendo tudo em madeira. Desenvolvendo o melhor serviço, e colaborando
com sua empresa na confecção de ITENS INDUSTRIAIS, CONSTRUÇÃO, ACABAMENTO E MADEIRA BRUTA.

A madeira do futuro

Devido à imperiosa necessidade nacional de matéria-prima, não se encontrou, entre as inúmeras espécies nativas e algumas exóticas, qualquer outra que ocorresse com eucalipto, pela perfeita adequação físico - química da madeira para os fins industrias, o rápido crescimento, a acelerada produção de sementes, a resistência às pragas e doenças, a facilidade de tratos silviculturais e a grande plasticidade do gênero. Para o caso especifico do Brasil, o eucalipto possui um caráter estratégico, uma vez que a sua madeira é responsável pelo abastecimento da maior com uma produção anual de 18,8 milhões de metros cúbicos, representando mais de 70% da produção nacional; outro setor importante é o de chapa de fibra, com uma produção anual de 558 mil metros cúbicos, representando 100% da produção nacional; o setor de chapas de fibra aglomerada produz 500 mil metros cúbicos, representando quase 30% da produção nacional.Já não se discute a importância do gênero e definitivamente está consagrado como fornecedor de matéria - prima para diversos fins industriais. O eucalipto se apresenta como alternativa real para atender diversas demandas da sociedade quanto ao consumo de produtos florestais, exigindo, porem, o aprofundamento das questões relacionadas à sua sustentabilidade. 

 www.ipt.br

  

 
madeiras diamade